Saúde em qualquer idade

Pense na sua saúde em qualquer idade

Os exames de rastreio permitem despistar algumas doenças mesmo antes de surgirem os seus primeiros sintomas. 

saude


Em caso de dúvida, consulte o seu médico e saiba mais sobre alguns programas de rastreio que se encontram internacionalmente recomendados. Independentemente de apresentarem ou não alguma queixa, todas as mulheres devem, todavia, procurar realizar os seguintes exames de rastreio para prevenir os diferentes tipos de cancro: 


Cancro da mama 


O auto-exame da mama deve ser realizado regularmente, de preferência após o período menstrual. Entre os 20 e os 40 anos, o exame mamário deve ser realizado pelo médico assistente pelo menos de 3 em 3 anos, e anualmente a partir dos 40 anos.  


A mamografia é actualmente o melhor exame de rastreio do cancro da mama. Está indicada a sua realização em todas as mulheres a partir dos 40 anos, com frequência anual ou a cada dois anos. Se tiver antecedentes familiares de cancro da mama, ou outros que o seu médico considere relevantes, poderá ter indicação para iniciar o rastreio em idades mais jovens.   


A ecografia mamária não é um exame de rastreio. É considerada um exame complementar à mamografia e está indicada apenas em algumas situações.  


Cancro do colo do útero 


O exame que permite fazer o rastreio do cancro do colo do útero, bem como diagnosticar alterações precursoras do cancro, é a citologia cervical ou Papanicolaou. Deve ser realizado pelo médico de família ou pelo ginecologista e consiste na colheita de células do colo do útero com ajuda de uma pequena escova, após a introdução do espéculo ginecológico.  


As mais recentes orientações recomendam o rastreio em todas as mulheres sexualmente activas, entre os 21 e os 65 anos,  devendo ser realizado a cada 2-3 anos. Nas restantes idades, deverá ser realizado consoante a indicação médica. 


Cancro do cólon 


Está indicado a partir dos 50 anos de idade ou antes, em caso de história familiar de doenças colo-rectais. O rastreio pode ser feito através da pesquisa anual de sangue oculto nas fazes, sigmoidoscopia a cada 5 anos ou colonoscopia a cada 10 anos. 


Rastreio das IST (infecções sexualmente transmissíveis) 


As infecções sexualmente transmissíveis mais comuns são causadas pela clamídia e gonococos. 


Podem desencadear doença inflamatória pélvica, e estão associados a maior risco de gravidez ectópica e infertilidade. 


Os principais sintomas incluem corrimentos vaginais anormais, perda de sangue entre as menstruações e dores pélvicas. No entanto, como muitas IST não causam sintomas, é importante rastreá-las. 


A ACOG (American College of Obstetrics and Gynecology) e o CDC (Center of Diseases Control) recomendam o rastreio da clamídia a todas as adolescentes e jovens sexualmente activas, entre os 15 e os 25 anos. 


Cuidados anti-cancro


Tenha cuidado com a sua saúde e reduza o seu risco de cancro. Estes são alguns dos cuidados preventivos que deve ter: 


- Evite fumar

- Mantenha o seu peso ideal

- Pratique actividade física

- Beba água e limite o consumo de álcool

- Como bastante fruta e legumes

- Proteja a sua pele 

- Conheça-se a si próprio, a sua história familiar e os seus riscos 

- Realize os exames de rastreio periódicos 

- Em caso de dúvida, consulte sempre o seu médico





© Órbitanews 2014