Tsa Lung

Tsa Lung

 

Corpo e alma em harmonia

Também conhecido por Yoga do Tibete, o Tsa Lung equilibra a energia e torna o corpo mais resistente. 

Criado pelos budistas tibetanos, o Tsa Lung tem por «objectivo purificar a energia do corpo e abrir os chacras (centros de energia do corpo), promovendo o alinhamento energético e consequente aumento de saúde, vitalidade, flexibilidade física, relaxamento e desenvolvimento pessoal e espiritual», explica Sofia Maldonado, mestre de Tsa Lung desde 2008.

O seu professor foi Tenzin Wangyal Rinpoche, um conceituado mestre de Budismo Bon Tibetano que fundou e vive no Ligmincha Institute, nos Estados Unidos, dando aulas em vários países do Ocidente, e autor de vários livros, entre eles Healing with Form, Energy and Light, onde os exercícios do Tsa Lung, que incluem respiração, meditação e movimentos físicos,são explicados. Esta prática permite adquirir um maior controlo sobre nós próprios e sobre a nossa vida, pois ajuda a eliminar o stress tão comum na sociedade actual e que afecta cada vez mais pessoas.

Como se faz?

Ainda é pouco conhecido em Portugal, mas o Tsa Lung já tem adeptos em todo o mundo, dividindo-se em diferentes tipos «desde o que exige maior esforço e preparação física, até ao que é feito apenas através de meditação», conta Sofia Maldonado.

Nos seus cursos, ensina um Tsa Lung intermédio, composto por movimentos físicos simples e alguma concentração, mas que não requer nenhuma preparação física nem prática de meditações especiais, pelo que é adequado a qualquer pessoa. «É composto por exercícios físicos, que se fazem na posição sentado», esclarece.

As sessões de Tsa Lung consistem numa série de cinco exercícios físicos, que são simples e fáceis de memorizar e de fazer, feitos sentados no chão. Em cerca de 15 minutos conseguem-se fazer três repetições de todos os exercícios. Pode ser praticado diariamente.

Quais os benefícios?

O Tsa Lung não é usado para o tratamento de doenças específicas, mas é um verdadeiro meio para atingir o bem-estar físico e psicológico. Apesar de ainda ser relativamente desconhecida em Portugal, esta nova filosofia tem, contudo, vindo a despertar o interesse de um cada vez maior número de adeptos.

«Ao eliminar os bloqueios energéticos do nosso corpo, permite que a nossa energia flua de forma equilibrada, aumenta a nossa vitalidade e resistência às doenças físicas e emocionais», realça a mestre.

«Visto que as nossas emoções estão directamente ligadas à energia do nosso corpo, o Tsa Lung também deve ser usado sempre que temos emoções perturbadoras, como ansiedade, medo, falta de confiança, estamos zangados, entre outras, como forma de dissiparmos estas emoções», refere.

Nos Estados Unidos, o Centro de Cancro Anderson da Universidade do Texas M.D., em colaboração com o já referido Ligmincha Institute, está a implementar o seu uso nos doentes com cancro, de forma a melhorar o seu bem-estar durante os tratamentos a que são submetidos.

Quem pode praticar?

O Tsa Lung pode ser praticado por qualquer pessoa. Para o Tsa Lung de nível médio, não existem contra-indicações especiais. «Qualquer pessoa que se possa sentar no chão e movimentar-se normalmente pode praticá-lo. Os efeitos positivos da sua prática são facilmente visíveis. Sofia  Maldonado diz que sempre que pratica Tsa Lung regularmente, nota o corpo mais flexível e menos tenso.

«Sinto-me com mais energia e com a mente mais aberta e relaxada. Também o uso para dissipar maus estados emocionais, como o nó na garganta ou o aperto no coração. E funciona. Também me torno mais sensível e intuitiva», realça. «Basta parar durante algum tempo para notar a diferença», acrescenta.

Complemento do REIKI

Simultaneamente terapeuta de Reiki, Sofia Maldonado considera que o Tsa Lung é «um complemento perfeito para os reikianos, pois ao eliminar bloqueios permite que o ki (energia vital) circule em maior quantidade pelo nosso corpo e, por isso, melhore a nossa capacidade como terapeutas».


© Órbitanews 2014